18.6.05

Mitos Infantis

Aqui há uns bons anos atrás, Mikhail Gorbachev era uma figura envolta numa aura de mistério. Esta era a opinião generalizada, sobretudo entre aquela faixa da população que ainda tinha uma idade só com um dígito e uma percentagem brutal de dentes de leite. É que o ex-presidente da União Soviética aparecia bastante na televisão e, como a curiosidade dos putos não obedece a lógicas de qualquer espécie, a criançada começou-se a interrogar sobre o que raio seria aquela mancha que enfeitava a cachola do Mikhail e cuja cor se estabelecia algures entre o escarlate e a sépia, aproximando-se, até, mais desta última. Lembro-me perfeitamente de, entre tigelas de Cerelac, discutir isto com o João. E, como se sabe, a eloquência e argumentos infantis, seguidos de uma bela birra se não nos dessem razão, sempre deu azo a conclusões muito válidas. Bem, dizia ele, do alto da sabedoria própria de quem tinha acabado de fazer e provar uns bolos de lama, que a mancha do senhor era uma tatuagem do mapa da Rússia e que todos os presidentes de países tinham que ter uma da respectiva nação. Eu, apesar de confrontado com tamanha sapiência, sobretudo geográfica, discordava. Na minha óptica, por sua vez dotada de um apurado conhecimento em medicina, o promotor da Perestroika tinha, há muito tempo atrás, levado um tiro na cabeça e não tinha ido ao hospital. E, como ele deixou aquilo andar, o sangue tinha secado e deixado tão característica marca. Esgrimimos argumentos durante algum tempo, mas depois fomos ver quem é que conseguia correr mais depressa com um balde na cabeça e a discussão sobre política internacional acabou por ficar por ali.

21 comentários:

Tiago disse...

Estaria tudo muito bem se as corridas com baldes na cabeça não se tivessem prolongado até aos dias de hoje...

Pedro disse...

Não foram só as corridas de baldes (que continuam a animar muitas tardes de verão), as opiniões relativamente à mancha na careca do Gorbachev também se prolongaram...

Mat disse...

Então não foi um pássaro malvado?

Tiago disse...

Eu estou com o João no mapa. Na Rússia os drogados até se entretêm a ver soldados a marcharem na cabeça dele. Se tomares os cogumelos brancos das estepes vês tropas napoleónicas, se tomares cogumelos cinzentos dos urais vês tropas hitlerianas.

João disse...

E ouvem aquela música do Hélder, o Rei do Kuduro, intitulada "Não Vacila" mas com as devidas adaptações à língua russa. Ou seja, "Niet Vassili, niet Vassili".

Pedro disse...

Os russos sempre viveram fascinados com a mancha... por isso é que a Perestroika foi aplicada sem grandes problemas. Ninguém ouvia o que o Gorbachev dizia, estavam todos muito concentrados a pensar 'mas afinal o que raio é aquilo que ele tem na cabeça?'.

Telmo disse...

Eu penso que quando banhava as suas
epidermes, uma alforreca beijou-o na nuca...

Pedro disse...

Sim, durante o regime comunista, e como toda a gente sabe, esses seres malévolos habitavam as banheiras soviéticas com o único intuito de picar quem fosse a favor da Perestroika...

Também é do conhecimento geral que se uma alforreca nos 'beijar' na nuca, ficamos com a marca na testa...

João disse...

É verdade! Se uma alforreca nos beijar na nuca, ficamos com uma marca. A não ser que se use um balde na cabeça...

Sergy disse...

As memorias de infância..:)

João disse...

Quem te disse que foi na infancia!? Foi há uns tempos atrás, de facto, mas nao foi na infancia. Eu e o pedro discutimos frequentemente com argumentos infantis, as questões dos debates da criançada, entre tigelas de cerelac.
Faça atenção senhor, faça atenção...

Tonho Putas disse...

Isto é um Gémeo Malvado LOLOLOL, istro mais parece um blog de quatro meninas vestidas de rosa a brincar as putas e coirões, na casa abandonada lá da aldeia, (n sei o que merda isto tem a haver, mas a vida e assim,tal como o vosso blog, xeia de merda.
Agora a sério....

Apoiante de Regimes Fascistas anónimo disse...

E a manif da frente nacional? Aquilo é que era gente bonita... Vivó PNR...

Sergy disse...

O Gorbatchov já foi há quilhões de anos, ó João!:)

Tiago disse...

Epá Sergy, o truque é não contra-argumentar com o patrão. Desejo-te boa sorte!

Pedro disse...

Sergy, o Gorbatchov pode ter sido há quilhões de anos, mas o Gorbachev não... e nós só discutimos as tatuagens/sangue seco do segundo.

Sergy disse...

Lol, ok, ortografia cirílica não é o meu forte:P

João disse...

Caro Sr.Tonho Putas, obrigado por nos ter elucidado, afirmando que considera este blog um Gémeo Malvado LOLOLOL, e não apenas um mero Gémeo Malvado. O Gémeo Malvado LOLOLOL é muito melhor! Não é só mais divertido mas também mais giro.
Tenho também a dizer-lhe que não somos quatro coirões, mas sim seis. O que é que isso interessa? Pois bem, para a porrada conta... é como o sr. diz e muito bem" a vida e assim".

Agora a sério...

Joel disse...

como estes 2 gémeos também fui crinça e também tentei por várias vezes resolver este mistério. para a mim a tão original marca de água na cabeça do senhor ex-presidente é um derrame cerebral. nunca vim nenhum mas calculo que seja assim. as nódoas negras são coisas que acontecem com frequência...

Mat disse...

Em Inglês, isto (a mancha) chama-se Portwine stain, ou seja, mancha de vinho de Porto.

Pedro disse...

Nódoas de vinho são lixadas de tirar de toalhas de mesa... pelos vistos, de cabeça também. É um constante viver e aprender.