10.4.05

O Mais Duro VI

JEAN CLAUDE VAN DAMME


Se acham que João Cláudio não é nome de duro, sou capaz de concordar. Concordo também que Van Damme soa bem melhor. Não sei se é do "V" e o "D" juntos, mas é como Vin Diesel ou Vítor Diamantino, simplesmente soa bem.
Jean-Claude Van Varenberg (sim, é esse o seu verdadeiro nome) nasceu na Bélgica(o que pode explicar muita coisa), e foi campeão mundial de Karaté pesos-médios (tá bem). Tem no seu currículo filmes como "Legionário", "Cyborg", "Double Impact", "Timecop", "Universal Soldier", "Street Fighter", "Kickboxer II" e "Kickboxer III". Ou seja, tal como alguns dos outros candidatos ao título, tem uma série de personagens lendárias, muito duras, que seguem a cartilha à risca. Armas, explosões, robots futuristas, soldados, lutador de rua, gémeos, prisões, artes marciais, rivais de respeito, mundos pós apocalípticos e um monte de outras coisas desse género.
Há no entanto uma razão muito forte para o não considerar um dos mais duros, que é a seguinte: lycra! Julgo que não é necessário aprofundar mais a questão ou tentar descobrir outras razões para não o considerar o mais duro.
Mas se esta razão não vos chega, então digo-vos também que na vida real Jean Claude levou porrada duma velhinha que tentou ajudar a atravessar a passadeira (com isto já deve ser mais do que suficiente), onde é que já se viu um calmeirão daqueles a levar duma velha? Outra, e não venham cá com tretas, um homem que se preze (literalmente), não faz uma espargata com um ângulo tão acentuado. É impossível!
Para acabar deixo uma questão no ar, que sempre me intrigou. Afinal de contas, que raio de galo é aquele que ele tem na testa, que nunca mais passa?

2 comentários:

Mat disse...

Olhando para a fotografia, vejo que o Jean-Claude não tem muitos pêlos no peito, o que pode ser outra razão. Por outro lado é Belga...por norma Belgas são duras e também deliciosas!

Pedro disse...

Sinceramente, acho que o Van Damme é um bocado o 'MacGyver' da porrada... não usa truques sujos, nem armas... e a dureza não se compadece com o 'fair-play'...