4.7.05

Fazer um Filme Fixe

Fiz uma pausa no trabalho para salvar a minha quota no Gémeo Malvado e, já agora, manter um bom resultado na estatistica do gémeo com mais possibilidades.
Foi ao fazer um trabalho, sobre o “Rushmore” (o que vale é que podemos escolher os filmes, o que torna as coisas mais divertidas), que reparei em algo que é bastante comum mas que passa despercebido aos olhares mais desatentos, como o meu. Todos os filmes maus têm o Donald Sutherland, mas todos os filmes fixes têm fac-similes de fotografias, geralmente do século XX. Mesmo que os realizadores o façam, muitas vezes, para apoiar o artista amigo que não tem um tostão, a verdade é que nem sempre é assim e, sobretudo, funciona.
Se virem bem, ao pensarem no "The Shinning", qual é a imagem mais forte de que se lembram? ...A seguir, talvez, à cara demente do Jack Nicholson. E no “Lost in Translation”?
É impossível contornar a verdade absoluta de que a resposta é: as gémeas assustadoras e o rabo curvilineo da Scarlett Johansson, embora por razões diferentes.


Jaques Henri Lartigue (1908) vs Wes Anderson (1998)
O fotografado original é irmão de Lartigue, e a sua alcunha era Zissou!


Diane Arbus (1967) vs Stanley Kubrick (1980)
Se se lembrarem de outros exemplos, comentem.


John Kacere (197?) vs Sofia Coppola (2003)
Obviamente que todo este post se resume à desculpa de podermos postar o rabo da Scarlett Johansson não-gratuitamente.

21 comentários:

Pedro disse...

Finalmente, um post cultural que não dá sono (valha a verdade que este é o primeiro post cultural sequer)... mas serviu sobretudo para confirmar algumas ideias que já conhecia:
- os franceses são panascas;
- os gémeos são assustadores;
- e, Matias, aquilo é que são rabos, pá;

Tiago disse...

Obrigado por valorizares a cultura Pedro. Muito mais um see-through do que um fio-dental.

João disse...

Tiago é vergonhoso que passes o tempo todo a mandriar, e também a plagiar.
É obvio, que este post é uma espécie de "separados à nascença" culturalmente disfarçado.
És o ùnico que ainda não criou uma rubrica... e aqueles post "Meu querido diário" não contam!
Ainda por cima armas-te em superior aqui com a malta. Shame on you, pá! Shame on you!

Tiago disse...

Se o Matias aprender alguma coisa hoje sobre proporcionalidade, considero a minha missão bem sucedida.

João disse...

O Matias já não aprende nada, porque "burro velho não aprende línguas novas". E ainda por cima ele é belga!

Pedro disse...

Um 'separados à nascença' com rabos recebe desde já o meu entusiástico apoio! É a melhor maneira de ensinarmos alguma coisa ao belga Matias acerca dos belos pacotes latinos e/ou mediterrânicos...

Tiago disse...

É certo que um rabo escanzelado tem a vantagem de parecer estar sempre em forma. Sem estrias nem celulite. No entanto, encanto nicles. O truque é tentar forçar a barra e chegar perto do limite. Daquele limiar em que um grama pode fazer com que a perfeição vá até ao completo desastre.

Pedro disse...

Irrefutável! Bravo!

Sergy disse...

O rabo de Scarlett é sagrado, e o seu santo nome não deve ser invocado em vão...

Tiago disse...

Foi por isso que arranjámos este esquema cultural. Assim, a vocês-sabem-quem e o seu rabo podem ser mencionados com justa causa.

Pedro disse...

Desde quando é que para nosso regalo (ainda que, infelizmente, pouco palpável) é em vão, ó Chico-espertos?

Pires disse...

Vocês todos gostam mas é de levar no rabo...

Mat disse...

Desde quando é que o pacote da Scarlett Johansson é mediterrânico, Pedro? Isto cheira-me (ah!ah!ah!) à pacote nórdico!

Mat disse...

Pires, cale-me já essa boca, já cheira mal aqui!

Pedro disse...

Matias, não me estava a referir especificamente ao pacote da Scarlett, mas sim aos pacotes em geral. E os latinos/mediterrânicos costumam ser os mais engraçados...

João disse...

E é um regalo, regá-los... (Eu sei que não se insere no contexto, mas não consegui evitar).

Pedro disse...

João, o Ironia do Destino é que perde com essa tua impetuosidade...

João disse...

Não sei o que é isso... e nao me tentes enganar com esses truques do teu blog.

Tiago disse...

Outra ideia para o teu Ironia do Destino. Esta foi-me enviada pelo meu rival VanTammen: Os 69 milhões que vão sair hoje no euromilhões são um prémio obsceno!

Pedro disse...

Isso, Tiago... quando tiveres ideias para o Ironia do Destino, fá-las chegar ao João. Sei de fonte segura que ele aprecia bastante sugestões...

Anónimo disse...

Wonderful and informative web site. I used information from that site its great. video editing programs