23.5.06

O Circo Voltou à Cidade

Mal tinha pus os pés em terra, no aeroporto da Portela, regressado de umas bem merecidas férias, pude logo avistar que o circo tinha voltado a cidade... perdão… país. Sim estimados leitores, começou o triste espectáculo nacional da adoração da bola. Bandeirinhas com as cores nacionais e imagens dos jogadores da equipa das quinas por todo o lado. Já não é a religião, mas sim a bola, que é o ópio do povo.
As pessoas tornam-se de livre vontade meras marionetas do jogo de marketing como se pude ver no outro dia. Uma empresa qualquer organizou a mega-acção e juntou milhares de mulheres para fazer a bandeira mais bonita (será que os adeptos gays também acham isso?) do mundo. Uma acção só para mentecaptos de certeza, mentecaptas aliás, e me faz lembrar as acções de propaganda dos tempos do Estado Novo. Se fosse para arranjar malta, para uma simples acção humanitária, nem um centésimo do número dos participantes se arranjava.
É o inicio de um mês de nonsense. O país está totalmente perdido na cauda da Europa: o desemprego continua a subir em flecha, as empresas fogem para outros países, os hospitais e as escolas são de um nível de terceiro mundo, os idosos recebem reformas miseráveis, há cada vez mais criminosos nas ruas, etc., etc., mas por um mês inteiro, vamos esquecer isso tudo graças à divinal bola.
Quem é que vai pensar agora nos idosos que estão na lista de espera para serem operados há 3 anos? Nós é que não… vamos mas é pendurar bandeirinhas em tudo quanto é sítio, porque os 11 milionários que vão defender as cores nacionais no relvado, esses sim, precisam de sentir o nosso apoio.
Bem-vindo a narcose nacional!

22 comentários:

i´ disse...

concordo na generalidade e aprovo na especialidade!

Tiago disse...

Cada vez mais parecidos com o Brasil.
Espero não estar neste país daqui a alguns anos para assistir à chegada de tumultos de crime organizado.

porcos no espaço disse...

Que giro, marionetas. Isto vindo de um gajo que está só a repetir o que mais uns quantos andam a dizer por aí só para mostrar que têm personalidade e consciência social. Enfim, é o culto do ser "do contra".


Concordo contigo. O país está de rastos, por isso vamos todos ignorar qualquer estímulo positivo e vamos trancar-nos em casa, de tv desligada, a pensar no assunto.

sacrilegius disse...

Portugal no seu pior.
Pensando bem, ainda estou para descobrir o "Portugal no seu melhor" que tenha as valências de marketing e consequente notoriedade, definição de posicionamento e construção de imagem nos públicos interno e externo, com resultados claros nos níveis culturais, bem estar social e capacidade de criar riqueza, que permita diluir este festival. Infelizmente, parece-me que é só este festival que interessa.
Parece-me ter chegado o tempo de dizer basta !!!!

sacrilegius disse...

Basta !!!!

João disse...

Ò "porcos no espaço", deixa-me antes de tudo congratular-te pela originalidade do teu nick, é impressionante!
Para além disso, gostaria de deixar aqui bem claro que não somos seguidores do "culto do ser do contra". Nós somos sim do "culto do não ser a favor", culto esse que é contra o "culto do ser do contra", que é contra o "culto de ser a favor" e que é contra o "culto dos tanto nos faz".

porcos no espaço disse...

Estou prestes a lançar o culto do "Neutro", que se apresentará como uma válida alternativa aos que não se sentem completamente satifeitos com os dominantes "contra" e "não a favor de".


Já agora, obrigado pelo elogio ao nick. Apesar de eu próprio não concordar por inteiro com ele.

João disse...

Ironicamente, eu estava a ser irónico... é assim que se diz, não é?

Mat disse...

Para "porcos no espaço" quero dirigir as seguintes palavras:
1. O post foi escrito por uma só pessoa, a saber: moi même. Acho que é bom gostar de futebol e viver essa paixão (é sempre melhor que fumar ou pedofilia). Não concordo é com os excessos, sobretudo neste tempo de crise nacional e não posso com estas parasitas publicitárias que colocam verde e vermelho em tudo e mais alguma coisa, só para conseguir mais lucro.
2. Todos os anos vou a Festa Avante. Perdoa-me.

Mat disse...

Alias, estou a tentar escrever um post só para si, para o/a agradar, com o título "Pérolas para Porcos". Mas ainda não consegui arranjar tema.

João disse...

Eu também concordo com o Matias, não há mal nenhum em ver futebol, fumar ou practicar pedofilia, desde que não se cometam excessos.

porcos no espaço disse...

Aponte-se, então, o dedo a essa característica humana que é o excesso, em vez de se ir pelo caminho mais fácil - que já é um clássico - e deitar as culpas todas em cima do futebol ou da publicidade.


Excessos, de uma ofrma geral, também sou contra. É do bom-senso de qualquer pessoa.



De qualquer forma, não é preciso escrever nada para me agradar. Eu não sou assim tão importante.


Abraço



P.S.: Não se piquem tanto com as opiniões sinceras que outros possam ter.


P.P.S.: Lamento mas pérolas a porcos está um bocado gasto. Acho mesmo que já foram feitos todos os trocadilhos possíveis envolvendo "porcos". Realmente não é facil ter um nick destes, mas tenho de viver com isso.

Pedro disse...

Atenção! Não confundir a sadia identidade clubista de extremos com o folclore que programas como o “Só visto!” criaram à volta da selecção. A selecção é o clube das gajas. Por isso, é natural que haja histeria, dançaria, pinturas de caras, tops feitos de cachecóis e bandeiras humanas. Alguns homens alinham porque, enfim, querem gajas.

Mas não se preocupem. Em Agosto, estamos de volta. Nós, os adeptos a sério.

Tiago disse...

Muito bem dito Pedro.
A minha pátria é o Benfica.

João disse...

A minha é a cinemateca, e aquela arrecadação onde o Edgar me mete a trabalhar 18 horas por dia. Ele é um fixe!

Tiago disse...

Dia 31 de Maio é o meu último dia. Despedi-me!
Agora vai ser blog a toda a hora!

Mat disse...

Vais te tornar um blogista profissional?

Tiago disse...

se o chefe joão me pagar o que eu mereço!

Minerva McGonagall disse...

Cambada de tristes...

Motorista da rodoviária disse...

Não pode levar aí o papagaio, sua desassisada. Aproveite e direccione a sua raiva para outro lado...

b.b disse...

Agora vem o mundial de futebol, depois Agosto, como tal, podem estar descansados que nada se irá fazer neste País antes de Setembro! Não sei pq tanta controversia nem o motivo que te leva a chamar-nos de meros títeres do markting, pessoalmente não entro nesses esquemas... vejo os jogos pq gosto de futebol, ponho o cachecol de Portugal na altura dos jogos tal como coloco o do Sporting durante o campeonato nacional. Deixa lá em paz a lavagem cerebral que tentam (e conseguem) fazer! Está descansado que o desemprego, a nossa economia, ou o nosso paradigmatico comportamento no que diz respeito a dizer mal de tudo... em Setembro cá estaremos para voltarmos a pensar na melhor forma de resolver tudo isso (em vão obviamente)!

Pedro disse...

Se fossem um atirador furtivo e, perante as pessoas da foto, só tivessem uma bala, em quem é que enfiavam? Estou indeciso entre o gajo que usa o cone como megafone e o gajo no canto inferior esquerdo que está a começar a dança mais idiota de todos os tempos.